domingo, 12 de junho de 2011

SOCIEDADE DE AMIGOS: MAR E SOLIDÃO

                                         RESSENTIDOS

Coral
mar e solidão

invasor de toca
o pé sem olhos

                          GAIVOTA

Nem adeus,
      promessa,
          angústia.

Apenas,
um voo de gaivota.

           MARIA APARECIDA DOS REIS LISBOA

do livro: a poesia em uberaba: do modernismo à vanguarda / guido bilharinho

2 comentários:

Rosi Alves... disse...

LINDO!

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Rosi: uma poetiza cheia de criatividadee vida - terna e visceral.
Abraços, jorge