quinta-feira, 7 de abril de 2011

SOCIEDADE DE AMIGOS: A PALAVRA E A IMAGEM... NÓS E A POESIA...

                                  MÁSCARAS: SIMULACROS DE VIDAS IMPERFEITAS
                                                                      Tânia Marques

máscaras ocultam
as faces tristes
escondem os medos
simulam as exterioridades
abafam os gritos
esmorecem os gemidos
anulam os murmúrios
vedam os olhos
ofuscam as matizes da vida
alegorias do não-ser
máscaras somam
aos múltiplos eus
um eu-imaginário
falsificado pela aparência
do blog: marquesiano.blogspot.com

A palavra não dita 

                       Adilson S. silva

Invente uma palavra de amor
Ou outras coisas impossíveis
Invente ao menos uma
Que descreva este mundo
Dessas coisas invisíveis
Antes que os sonhos morram
Em poucas palavras
e se eternizem
no silencio

do blog:rimastruncadas,blogspot.com


4 comentários:

☯ℒ❀LuGoyaZ❀♬✪ disse...

Tânia é maravilhosa, taí uma linda pessoa. Encantos de palvras suaves e ditas do coração. Abraço com muito carinho. LuGoyaZ.

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Lu, concordamos e estou aqui, 2s da madrugada querendo postar dois poemas novos dela; pois são provocantes chamados para a vida.
Abraços, Jorge

Adilson - Rio de Janeiro - Brazil disse...

Lindo meu companheiro ....adoro sempre ver poemas meus publicados nessas paginas de luz .... um forte abraço ...bom domingo .....

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Adilson, sua presença nos enternece e alegra, é vida.Abraços com carinho, Jorge