quarta-feira, 4 de maio de 2011

SOBRE A VIDA E O EXISTIR: ALGUNS AFORISMAS

                                     Jorge Bichuetti

O silêncio e o olhar falam, falam quando no entre do encontro emergiram palavras da linguagem visceral da transcorporeidade.
                              ***
Um abraço desmonta o corpo travado  nas desilusões do desamor, nos abismos do medo e no vendaval da autodestruição; ele recompõe um corpo destroçado e o reinventa corpo-vida. Há uma clínica nos territórios do carinho, da ternura e da amizade...
                              ***
O ser humano é andarilho... Porém, se trafega nos trilhos congestionados do instituído, pode ser facilmente atropelado. Há que se buscar as trilhas do novo nos horizontes da utopia...
                              ***
Toda vida é em si deserta; necessitamos povoá-la. Se a urbanizamos com concreto e aço, cristalizamo-nos nos desvarios da insensibilidade; se a totalizamos com um vínculo simbiotico de dependência, mergulhamos num pântano de autoflagelação... Para povoar uma vida e a reinventá-la vida libertária, a arte, a ternura, a solidariedade, o amor e a compaixão surgem como aberturas para o mundo que nos povoa com caminhos de libertação.
                              ***
O prazer atrapalha e atropela; a alegria liberta e nos dá asas - asas de voar... Assim, o prazer, faculdade dionísica imprescindível, há de se dar sob o signo das paixões alegres e dos bons encontros.
                              ***
A escuridão da noite não assusta os que poetizam o luar, como a aurora não robotiza os que aprenderam a sonhar acordados.
                              ***
Há beleza que é somente expressão fotográfica, paisagem; e há o belo que se sustenta pela fecundidade que revela na suavidade do encontro.
                              ***
O abismo que se mostra na dor de uma crise só nos limita, se desconhecemos que a vida é passo a passo e salto; da crise saímos através de saltos que nos abrem os portais da vida nova, remoçada, de devires e de inovação, onde trocamos nossa pele e nossas plumagens, devindo-nos borboletas num primaveril jardim de novas alegrias.
                              ***
O devir é uma metamorfose vitalizante: novas vidas numa vida; multiplicitação de caminhos...
                              ***
Entre o dia e a noite, o crepúsculo... Ponte, passagem. 
Entre a tempestade e o estio, o arco-íris...  Lição da natureza sobre a potência das alegrias serenas e da serenidade alegre...


universidade popular juvenal arduini - encontros todo segundo sábado do mês... próximo dia 14 de maio...


um projeto de solidariedade e educação libertária...

9 comentários:

Paulo Braccini disse...

Estes aforismas são pura sabedoria ...

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Paulo, sua presença é uma alegria e nos anima a continuar, lutando por escrever e postar pela vida e pela liberdade; Abraços com carinho, Jorge

Marta Rezende disse...

Jorge querido, você é um povo inteiro pra mim, em mim. Obrigada. beijo Marta

Concha Rousia disse...

...me fizeste pensar no livro do desassossego do Pessoa, pela forma e profundeza da escrita embora tu visitas os abismos, esses dilemas que nos atrapalham se os não conceberemos apropriadamente, com asas libertadoras, nem saberia por onde começar, ahhh esses portais da vida nova... É já agora te conto que te vi numa entrevista, um youtube que me passou o nosso querido Adilson, e adorei a tua sabedoria, eu concordo completamente mas acho que ainda não estou tao libertada como tu, ora tento, é um prazer poder aprender desta forma, um grande prazer, num mundo de universidades em mãos (muitas vezes) de ineptos e aborrecidos professores (pelo menso aqui). Abraços de ternura desde a minha tarde aqui... quase entrando no crepusculo...

Tânia Marques disse...

Jorge querido, desculpa a demora em aprecer por aqui. Creio que aquilo que demonstras pelos aforismos são evidências do quanto entendedor da vida tu és. Escreves com prazer e isso contagia a todos nós, leitores do teu blog. Beijo grande! Te adooooro!

Tânia Marques disse...

Jorge, acabei de fazer um post em tua homenagem no Palavras e Imagens 2
http://wwwmarquesiano.blogspot.com

Inclusive, pensei em você e nas suas utopias e arrisquei criar um poema, espero que goste. Bj.

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Tânia, chego do trabalho agora e já me vejo reanimado com o desejo de que estejamos constrindo um horizonte de paz e alegria. Abraços com carinho; Jorge

Elania Piffer disse...

Olá Jorge,
Conheci seu blog por meio do amigo Adilson. Sensacional! Deixo meu depoimento, pois me identifiquei, me percebi nos detalhes dos aforismos.
Abraços

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Querida Elania, uma alegria tê-la na nossa comunidade de trocas, crescimento partilhadoe sonhos póeticos. O Adilson é uma hoem maravilhoso, intectual ee coração cheios de ternura. Abraços com carinho: jorge